Resistência elétrica

 

RCT lab


Resistência elétrica según IEC 60228 / UNE-EN 60228 / UNE-HD 605.


Resistencia eléctrica según IEC 60228 / UNE-EN 60228 / UNE-HD 605

A função do cabo

é transportar

energia elétrica

No entanto, todos os materiais, incluindo condutores elétricos, têm resistência à passagem de corrente eléctrica. Essa resistência provoca aquecimento no condutor,o que leva a uma perda de eficiência, pois parte da energia a ser transportada é desperdiçada na produção de calor. Em casos extremos, pode até causar acidentes.

Daí ser importante garantir que a resistência do condutor que se utiliza está de acordo com os requisitos da instalação, de forma a garantir a eficácia e a segurança. A forma de verificar a resistência é fazer uma medição de acordo com as especificações deste ensaio. Através deste ensaio verificamos se a qualidade e a quantidade de cobre utilizada são as corretas para uma dada secção nominal e, portanto, o produto é adequado para o seu uso.

Wheatstonebridge

As amostras dos condutores de cobre nuas ou isoladas são colocadas num suporte de forma a que o condutor fique exposto e em contato com os pontos onde a medição é feita, separados por uma distância de 1 m.

O medidor de resistência é baseado no esquema elétrico de uma ponte de Wheatstone.

A unidade de medida é o ohm por quilómetro a 20ºC.

Resistência é a
medida de oposição à

passagem de corrente elétrica

Os principais fatores são, o comprimento, a temperatura e o material do qual o condutor é feito.

O comprimento e a temperatura afetam diretamente a resistência: quanto maior o comprimento ou a temperatura, maior é a resistência. Por esta razão, o ensaio é sempre realizado numa amostra de um metro para facilitar a comparação dos resultados. Em relação à temperatura, o equipamento de medição de corrente incorpora um fator de correção que, com base na temperatura medida em laboratório, corrige automaticamente a medição para que o resultado obtido corresponda a uma resistência equivalente a uma temperatura padrão de 20ºC.

Cada material condutor possui uma resistência intrínseca diferente. Todos os nossos condutores são fabricados com cobre eletrolítico de elevada pureza, o que garante uma ótima resistência. Além da pureza, a quantidade de cobre também afeta a resistência, sendo maior quanto menor for a secção do cabo: em condições semelhantes, um pequeno condutor oferece mais resistência do que um grande condutor.

La resistencia es la medida de la oposición al paso de la corriente eléctrica

O nível de pureza do cobre
afeta diretamente a
resistência do fio

Em condições normais, a prata é melhor condutor que o cobre, enquanto o alumínio é pior. O cobre é o material com melhor combinação de custo, maleabilidade, resistência mecânica, peso e resistência elétrica, daí ser o mais utilizado  no fabrico de cabos elétricos.

Os Supercondutores funcionam em temperaturas muito baixas e não podem substituir o cobre na utilização do dia a dia.

A pureza do cobre afeta diretamente a resistência dos cabos, sendo o cobre eletrolítico o que apresenta melhor desempenho. A RCT Cables usa apenas cobre eletrolítico.

O processo de produção dos cabos também afeta o resultado final, logo o controle de qualidade da resistência é essencial e na Cables RCT é realizado em cada uma das fases de produção, incluindo a fase final de embalagem.

O cobre é totalmente
reciclável

A palavra cobre provém do nome da ilha de Chipre, onde na antiguidade foram encontrados grandes depósitos de cobre.  O cobre é um dos primeiros metais que os humanos usaram para muitas aplicações, puro ou em ligas, como o bronze.


Copyright © 2024 Cables RCT